25 de fevereiro de 2024

Lá dentro de nós!

Lá no
meio de mim eu escutei a tua voz

Ela
queria dizer algo que eu ainda não sabia

Ressoou
no meu ser algo que queria dizer

São
coisas da vida que precisamos compreender

Algo que
nos acontece e que ecoa em nós

É que
bem no meio de nós há a nossa fonte de amar

Que cria
asas e nos leva a levitar

Que nos
faz silenciar e até ecoar

E por
isso insiste em revoar

Traduz
todos os códigos do amor e até cria unção

É lá
dentro dos nossos corações que mora o amor

Pois há
coisas que não conseguimos disfarçar

Até
guardamos segredos em nós por algum tempo

Mas logo
eclodem as sementes e a frutificação

Assim
nascem as coisas no coração

Por isso
o silêncio, o gritar, o dizer e o falar

São
mensagens de amar

É
tradução de quem nasceu para amar

Que
reproduz as coisas ditas no coração

É que no
meio de nós existe uma fonte de unção

Pois
devemos nos permitir sempre escutar a voz do coração

 Nilson
Ericeira