24 de fevereiro de 2024

Reverso

Nem sempre temos capacidade de nos enxergar

E por vezes, nos vemos bem menores do que somos

Entretanto, não devemos deixar o nosso barco ir à deriva

Somos nossos próprios mestres nesta vida

Ao tempo em que somos passageiros

Tudo passará

Só o Amor sagrado ficará

É que acumulamos problemas e os deixamos em nos

Precisamos dar fuga ao que não nos faz bem

Não existe ser humano sem problema

Mesmo que tenha poder, dinheiro, fama e aparência

Nada substitui o amor

Haverá sempre uma centelha de vida, fé e esperança em nós

O que passamos no dia a dia não é maior do que o que sentimos ou passamos

E, que, nem sempre acordamos para nos enxergar em primeiro plano

Fugimos de nós mesmos e evitamos o diálogo interior

Mais parecemos seres reversos com medo de nos olhar

Portanto, todos os dias devemos buscar a nossa mais intensa luz

Mesmo sabendo que o brilho dela depende da mão mais acolhedora que há

E, nunca devemos nos permitir descaminhar

Nilson Ericeira