22 de fevereiro de 2024

Arari em po-e-si-as

O encanto do Lago da Morte, ou Lago da Vida, como alguns poetas e escritores o sentem,

pois com fasta produção de peixes naturais, que se transformam em pão, em capital, em meio, em fim. Que nutre a vida de cada um de nos e nos faz po-e-si-as…

Aqui o bicho-homem se alimenta, mas também destrói. Há que se ter uma consciência ecológica, ou melhor, humana.