22 de fevereiro de 2024

Bem perto e tão longe!

 Bem perto de nós sempre haverá alguém que precisa da nossa ajuda, nem sempre o bem desejado é material. Precisamos ouvir as pessoas. O mundo só se humanizará se as pessoas se permitirem.

Não há que se lamentar quando sabíamos que podíamos fazer algo e deixamos o tempo passar. Este sim nunca mais será o mesmo. 

As pessoas não são coisas para serem usadas de tempo ou, então, para serem manipuladas como formas de outras pessoas atingirem fama, status, poder e dinheiro. 

E, quando colocam Deus na dor dos outros, é como se o Deus de que propagam fosse responsável pela miséria humana. Mas não o é, os responsáveis somos nós por meio do nosso egoísmo extremado e falta de amor ao próximo. No dia em que cada um de nós agirmos como agentes solidários, muita dor e desalento serão evitados.

A solidariedade é a força motriz da sociedade. E os nossos atos, lubrificantes.