25 de fevereiro de 2024

Arari e o poema incompleto III ou linguagem de arariense

 

Lá em
Arari!

Onde?

Arar
amor e saudade

Olhar
meu povo

Meus
amigos estão lá

Meus
irmãos, pais e avós…

Eu, tu,
ele, nós, vós, eles…

Mas hoje
eu vou lá

Quando
tu vais lá?

Eu vim
de lá

Eu vim pequenininho

E pisei
no chão ‘devagarzinho’

Eu
voltei ontem

Vou lá
amanhã

Só sair
a grana eu vou lá

Como é
que tá lá?

E as
festas?

O rio,
os peixes, as pessoas…

Meu
irmão foi pra lá

Vou
passar uns dias lá

Só me
aposentar eu volto

Quero
morar lá

Deixem a
minha redinha aí!

Eu
voltei!

Eu não
saí: eu estou!

Eu sou
de Arari

 Nilson
Ericeira